• Geral 13/09/18 | 11:45:36
  • Anatel vai bloquear celulares irregulares em Santa Catarina
  • Previsão é de que bloqueio inicie em dezembro
diminuir o tamanho do texto aumentar o tamanho do texto
  • Fonte/Autor: Jornalismo Rádio Videira/ Diário Catarinense
  • Foto: Divulgação

Santa Catarina está na lista dos dez estados em que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai ativar o bloqueio de aparelhos celulares irregulares, a partir deste ano. Hoje a medida já funciona em Goiás e no Distrito Federal e, a partir do dia 23 de setembro, os consumidores que habilitarem celulares irregulares no território catarinense receberão mensagens de alerta de bloqueio dos seus aparelhos. O objetivo é ampliar a segurança dos consumidores, pois todos os celulares em uso no país devem ser certificados ou ter certificação aceita pela Agência.

De acordo com a Anatel, os consumidores que estejam utilizando aparelhos irregulares antes do dia 23 não serão desconectados caso não alterem o seu número. Já aqueles que conectarem à rede aparelhos irregulares após essa data serão notificados por mensagens de texto. Passados 75 dias, se não houve regularização, o aparelho não irá mais funcionar. O bloqueio deve ocorrer a partir de oito de dezembro.

Como saber se meu celular pode ser bloqueado?
O site da Anatel oferece uma pesquisa por IMEI para consultar sua situação e saber se há alguma irregularidade em seu celular. Você pode achar o IMEI do celular na caixa do aparelho, em adesivo na parte de trás da bateria ou digitando *#06# e na sequência pressionar a tecla pra ligar.

O que observar na hora da compra?
Conferir se o número que aparece na caixa do celular (o Imei) é o mesmo que aparece ao discar *#06#. Se esse número não for igual, o celular é irregular. No selo de certificação da Anatel, há informações como o número de certificação, o ano de fabricação e o fabricante. Exija e guarde a nota fiscal e o termo de garantia.

Quais aparelhos podem não ter um Imei válido?
Celulares de baixa qualidade que não possuem certificação em nenhum lugar do mundo, aparelhos falsificados e celulares roubados que têm o Imei adulterado para voltar ao mercado.

comentários