• Geral 14/11/17 | 13:55:31
  • Prefeitura entrega ordem de serviço para pavimentação na Cidade Alta
  • Prazo para conclusão é de 120 dias a partir da entrega da ordem de serviç
diminuir o tamanho do texto aumentar o tamanho do texto
  • Fonte/Autor: Assessoria de Imprensa
  • Foto: Divulgação

Após cerca de duas décadas de espera, moradores e empresários da área industrial do Bairro Cidade Alta terão três ruas asfaltadas. Na tarde de segunda-feira (13), o prefeito Dorival Carlos Borga assinou a ordem de serviço para início da obra, que prevê a pavimentação asfáltica das ruas João Mena Cardoso, Setembrino Comunello e Geovane Carelli.

A assinatura foi acompanhada pela vice-prefeita, Claudete Vavassori, o chefe de Gabinete Felipe Schuler, o secretário de Planejamento, Desenvolvimento Econômico e Habitação, Sandro Caregnato, e pelo engenheiro civil da prefeitura responsável pela fiscalização da obra, Rômulo Machado de Souza. Além deles, o assessor do deputado Natalino Lázare, Wladecir Martins dos Santos, e empresários que atuam nesta região da cidade também estiveram presentes na solenidade.

O empresário Marcos Pinculini trabalha nesta região da cidade há oito anos. Segundo ele, a maior dificuldade enfrentada é a circulação de caminhões pesados. "Tem locais onde os caminhões atolam. Problemas como este atrasam a saída e a entrega de produtos. O asfalto vai melhorar o escoamento da produção, vai aumentar a segurança de quem transita por esta área da cidade e vai reduzir o pó, que é outro grande problema que enfrentamos", afirma.

Ao todo, serão pavimentados 575,15 metros de extensão, totalizando 6.413,55 metros quadrados, nas três ruas. O investimento total na obra é de R$ 665.019,39. Os recursos são provenientes do Governo do Estado e da Prefeitura. Por intermédio de Lázare, o Estado destinou R$ 500 mil do Fundo Social. O restante é contrapartida do município.

"Esta é uma reivindicação antiga da população daquele bairro que finalmente conseguimos atender. O asfaltamento trará inúmeros benefícios, como a melhora do escoamento da produção e a segurança de pedestres e motoristas. Nesta região há muitas empresas do ramo alimentício, por isso o asfaltamento contribuirá para a sanidade destas empresas", explica Borga.


A empreiteira que executará a obra é a MR Concretos, Argamassas e Pavimentações Ltda, de Caçador. A executora tem 120 dias a partir da assinatura da ordem de serviço para concluir a obra. "A obra será executada com todas as empresas instaladas no bairro em pleno funcionamento. Pedimos a compreensão e paciência da população, pois invariavelmente ocorrerão alguns transtornos até que tudo seja concluído", avalia o engenheiro civil da MR, Bruno Fontana.

comentários